quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

La U Vence Vasco E Chega Em Inédita Final Continental

Transformando o estádio Santa Laura, em Santiago do Chile, num caldeirão daqueles que até fumaça solta, a fanática torcida da Universidad de Chile pôde comemorar um feito inédito na história do clube: pela primeira vez desde que foi fundada, em 24.05.1927, "La U" disputará uma final continental. O duelo semifinal com o Vasco da Gama foi parelho, mas a vaga na decisão da Copa Sul-Americana ficou em boas mãos: sem abdicar de atacar mesmo estando com a vantagem no placar, os comandados de Jorge Sampaoli mereceram a vitória por 2a0 e a conseqüente classificação, que começou a ser construída com um empate por 1a1 em São Januário.

O jogo

O ímpeto ofensivo que caracteriza essa equipe chilena e a necessidade vascaína de correr atrás do resultado foram dois ingredientes determinantes para o belo jogo de futebol visto na noite de quarta-feira. A partida começou lá e cá, com ambos os times tendo possibilidades de marcar o gol nos primeiros minutos - e aqui cabe já tecer elogios aos goleiros Johnny Herrera e Fernando Prass, com performances destacáveis.

Foi necessário um "abafa" generalizado na área vascaína para finalmente o placar ser inaugurado, aos trinta minutos, num bate-rebate que contou com defesaça de Prass. Atento ao rebote, Gustavo Javier Canales chegou antes de Renato Silva e de qualquer outro jogador vascaíno para chutar firme e estufar a rede, levando o público presente ao delírio.

Para não dizer que tudo eram flores, havia muitas faltas duras cometidas de um lado e de outro. Com um pouco mais de rigor, o árbitro uruguaio Darío Ubríaco poderia ter reduzido a quantidade de atletas em campo ainda no primeiro tempo. Veio o intervalo e com ele a primeira substituição: Cristóvão Borges trocou Allan por Bernardo, jogador que saiu do banco domingo para dar ao Vasco a vitória na penúltima rodada do Campeonato Brasileiro.

A equipe brasileira iniciou o segundo tempo conseguindo atacar, com duas chances de gol nos primeiros três minutos. Na primeira, Rômulo tabelou com Alecsandro e teve o chute defendido por Herrera. Na segunda, Dedé cabeceou após cobrança de escanteio e mandou a bola à direita. Aos poucos, os "Azules" foram equilibrando a partida e causando dificuldades ao sistema defensivo cruzmaltino. Aos vinte e quatro minutos, Fágner desferiu uma cotovelada em Gustavo Canales e foi corretamente expulso de campo. Um duro revés para o Vasco, principalmente diante de um adversário tão bem treinado: tirando proveito da saída do lateral-direito adversário, "La U" partiu pro ataque explorando aquele lado do campo. E, três minutos depois, deu resultado: Francisco Castro cruzou da esquerda e encontrou Eduardo Jesús Vargas Rojas, que fechou pelo meio e completou pra rede. 2a0 Universidad e tome festa nas arquibancadas.

Com o controle da partida e do resultado, era questão de tempo para que fosse anunciada a classificação chilena para a final da Copa Sul-Americana 2011. Só que o Vasco não dá muita bola para essa história de "estar em desvantagem" e tentava do jeito que dava reverter a situação que naquele momento parecia irreversível. Aos trinta e sete minutos, o zagueiro Dedé se mandou pro ataque, ganhou a jogada na base da disposição e da entrega, tabelou com Alecsandro e chutou rasteiro, no canto esquerdo. Bola que não entrou porque lá estava o arqueiro Johnny Herrera para mais uma defesa. Sabe Deus o que seria do jogo se esse chute tivesse entrado, mas o fato é que nos minutos finais a Universidad de Chile soube administrar o placar e garantir a inédita presença numa final continental. Aquela torcida merece.

Na decisão, o adversário do "Barcelona das Américas" será a Liga Deportiva Universitária, a famosa LDU, que em 2009 ganhou essa mesma competição em cima do Fluminense. Considerando a força dessa equipe equatoriana e o fato de "La U" estar há trinta e um jogos invicta, creio que não seja prudente apontar um favorito. Ao Vasco, resta o duelo dominical com o Flamengo: em caso de vitória, o "Clube da Colina" faturará o título no Campeonato Brasileiro se o Corinthians for derrotado pelo Palmeiras, em partida prevista para o mesmo horário.

Um comentário:

  1. http://britfoot.blogspot.com/2011/11/bolao-britfoot-19-rodada.html

    ResponderExcluir